#11 o DNI

Muita gente, quando viaja pra Argentina, já vai com planos de ficar além dos 3 meses concedidos pelo visto de turista e/ou também tem a intenção de conseguir trabalho por lá.

Por sermos brasileiros, são conferidas algumas facilidades para viajar a BUE por causa do Mercosul. Ainda assim, passado os 3 meses, se o visto não for renovado, você é considerado ilegal no país.

Pras pessoas que pretendem ficar mais tempo, o ideal é correr atrás de tirar logo o DNI, a cédula de Identidade argentina. Como é um processo bastante burocrático, o que eu indico é começar a resolver tudo assim que botar os pés nas terras portenhas.

Os passos para conseguir o DNI são

1. Marcar um turno no site do Registro Nacional de Reincidencia, para conseguir tirar os antecedentes criminais argentinos. Essa etapa é simples. Escolhe uma data e horário no site e comparece à sede escolhida no dia, com o passaporte e copia. Lá existe uma taxa que deve ser paga e que varia com o prazo de entrega do documento. A vibe é que quanto maior o desespero por esse documento, mais você tem que pagar. Então faz logo isso, paga pouco e espera a burocracia seguir seu curso natural. Chegado o prazo que eles derem, o documento pode ser acessado online.

2.Com o número dos antecedentes em mãos, você já pode marcar o turno pra tirar o DNI no site. No dia marcado, você tem que levar documentos que você ainda não tem, se tiver seguindo esses passos (ops :X). Mas é que geralmente a data do DNI demora uma vida pra chegar, então marca o quanto antes, para agilizar o processo e resolve o resto enquanto não chega a data.

3. Marcada a data do DNI, você ainda precisa do comprovante de residência na Argentina para levar no dia do turno. A forma mais fácil de fazer isso, se você não tiver correspondências em seu nome, é indo na delegacia mais próxima da sua casa e pagando uma singela taxa de 10 pesos. O mocinho policial vai na sua casa em até 48h – é o que eles dizem, pelo menos – e lhe entrega o comprovante.

4. Esse último passo pode ser feito de duas formas. A primeira seria com o tópico 4 estando acima de todos os outros e você resolvendo tudo antes de viajar. O último documento faltante para o dia de dar entrada no DNI é o de antecedentes criminais do Brasil. Isso pode ser resolvido antes da viagem, deixando menos uma preocupação na cabeça. Mas pra quem já está na Argentina e deu mole pra caramba, tremendo vacilão, a solução é quase bem simples também. Os antecedentes podem ser tirados no portal da Polícia Federal e autenticados no consulado do Brasil na Argentina.

5.Completadas todas as fases, parabéns! Você quase venceu toda a chatice burocrática. Agora é esperar até o dia de tirar o DNI, comendo medialunas com doce de leite e se preparando psicologicamente para uma fila não muito modesta que lhe espera!

Versão de como estender o visto por mais 3 meses para subversivos

1.Entre no site do BUQUEBUS e compre uma passagem para Colônia del Sacramento , Uruguai.

2.Pague alguns 400 pesos, em média, viaje, renove seu visto e divirta-se (:

Anúncios

Uma resposta para “#11 o DNI

  1. eeei véi, pela temática do post a trilha devia ser clandestino de manu chao =(

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 8 outros seguidores

quem?


Rayanne Andrade, publicitária, 24 anos, recifense.


Rhanna Andrade, designer gráfico, 21 anos, recifense :}

%d blogueiros gostam disto: